Sua empresa de limpeza te protege do coronavírus?

A OMS (Organização Mundial de Saúde) declarou nesta 4ª feira  (11.mar.2020) que a propagação do novo coronavírus é agora classificada como uma pandemia e, segundo o órgão, o número de pacientes infectados, de mortes e de países atingidos deve aumentar nos próximos dias e semanas. Apesar disso, os diretores da OMS ressaltaram que a declaração não muda as orientações, e que os governos devem manter o foco na contenção da circulação do vírus.

 

O Ministério da Saúde divulga diariamente o balanço sobre os casos de pacientes infectados pelo novo coronavírus, causador da doença batizada de Covid-19.  Por enquanto os 78 casos confirmados – até essa postagem, de infectados no Brasil estão distribuídos nos seguintes Estados:

 

São Paulo: 46

Rio de Janeiro: 13

Paraná: 6

Rio Grande do Sul: 4

Pernambuco: 2

Bahia: 2

Distrito Federal: 2

Alagoas: 1

Espírito Santo: 1

Minas Gerais: 1

 

Os dados apontam que existem cinco casos de transmissão local, ou seja por contato próximo com pessoas infectadas no exterior. 

 

O Novo Coronavírus já afeta a economia Global e local

 

O aumento de casos de coronavírus no mundo já afeta a economia mundial, e diversos países já têm reduzido suas expectativas de crescimento. É o que fez o Brasil, que baixou a projeção para o PIB deste ano de 2,4% para 2,1%.

 

Há perspectiva de que os efeitos dessa pandemia diminuam o crescimento da economia mundial. O Banco Mundial estima que o custo de uma pandemia severa de gripe, por exemplo, pode chegar a 5% do PIB global. Segundo relatório da consultoria de risco Marsh, ainda que as pandemias recentes tenham taxas de mortalidades menores que as do passado, por causa dos avanços na medicina e infraestrutura, os impactos econômicos potenciais podem ser muito maiores.

 

De acordo com o relatório, as epidemias afetam as empresas por levar a: 

Perda de mão de obra, por causa da doença e mortes; Aumento de faltas dos funcionários e diminuição de produtividade, por causa da necessidade de cuidar de familiares, distanciamento entre as pessoas e medo da contaminação. 

 

A proliferação do vírus nos ambientes corporativos 

 

A Mastercard, uma das maiores empresas de pagamento do mundo, fechou seu escritório em São Paulo e pediu para que seus colaboradores trabalharem de casa, como forma de prevenção da contaminação pelo coronavírus. Esse ato só ilustra como o setor corporativo no Brasil começa a perceber os efeitos da disseminação global do coronavírus, que nesta semana já teve casos reportados em 95 países. 

Já passam de 100 mil pessoas contaminadas no mundo e mais de 3400 mortes pela infecção. 

 

A XP Investimentos também teve um caso diagnosticado pelo vírus de um colaborador que recentemente viajou para a Itália e também está adotando o sistema de home office. 

A empresa aérea Latam Airlines, proprietária da TAM, suspendeu os voos entre São Paulo e Milão diante da demanda decrescente, após a disseminação do vírus na Itália.  Outras companhias aéreas têm enfrentado grande queda na Bolsa paulista, refletindo temores do mercado que a disseminação da doença reduza drasticamente as viagens. 

 

Prevenção é a solução

 

As grandes empresas e escritórios são responsáveis em ajudar a impedir a disseminação do coronavírus, não só fortalecendo a prática da higiene pessoal, muito importante na contenção do vírus, como também investir em uma empresa de limpeza que esteja realmente limpando seus ambientes. 

Prevenção é a única arma eficaz para combater a proliferação do novo Coronavírus no ambiente de trabalho. As regras básicas que devem ser  adotadas por todos são: 

 

  • Lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel.
  • Cubra o nariz e boca ao espirrar ou tossir.
  • Evite aglomerações se estiver doente.
  • Mantenha os ambientes bem ventilados.
  • Não compartilhe objetos pessoais.

 

A SOLUÇÃO PARA DESINFECÇÃO DE AMBIENTES 

 

Somente a Jan-Pro, líder no mercado de limpeza corporativo mundial tem o EnviroShield, um sistema de limpeza e desinfecção de ambientes que garante 99,99%  pois utiliza uma tecnologia para aplicar o desinfetante de forma eletrostática. Assim, consegue cobrir 99,99% a área a ser higienizada, enquanto os outros métodos não passam de 60% de eficiência.

Para a desinfecção de superfícies esse equipamento pulveriza no ambiente  produtos químicos desinfetantes e de ação prolongada com duração ativa pelo período de 01(um) ano.

 

Os testes  comprovados por laboratórios demonstram que nosso produto desinfetante elimina vírus, bactérias e fungos com uma taxa superior a 99% e graças a sua exclusiva tecnologia a base de Silano (Si-QAC), permanece  colado molecularmente à superfície, agindo por até 01(um) ano. Isso porque é resistente a água, umidade e até mesmo produtos de limpeza usados normalmente (água sanitária, cloro etc…), e não deixa cheiro e resíduos, podendo ser aplicado em eletroeletrônicos, tecidos, metais, pisos, plásticos, vidro, madeira,fibras artificiais e inúmeros tipos de materiais. 

 

O desinfetante do sistema EnviroShield – tem  ação rápida e o ambiente já pode ser usado logo após a secagem (cerca de 30 minutos após a aplicação). Não é prejudicial ao meio ambiente e à saúde de pessoas e animais. 

 

Os produtos químicos utilizados para desinfecção no sistema EnviroShield  foram 100% aprovados pelo Governo chinês o que por si só já é uma consagração para a Jan-Pro.

 

Somente o EnviroShield é considerado eficaz no combate do coronavírus,  pois elimina 99,99% das bactérias e vírus e pode garantir a saúde de seus funcionários e colaboradores na sua empresa.  O que você precisa saber é que somente a Jan-Pro, maior franquia de limpeza comercial do mundo e também do Brasil, tem o EnviroShield

 

Para garantir a total desinfecção de seu escritório ou estabelecimento procure a Jan-Pro, comprovadamente a melhor opção de limpeza comercial que existe.